7 de out de 2013

E se nós mudássemos o horário?? Voces iriam??





 
 
Quem tem medo de fuso horário?
Isso mesmo, após as mudanças em razão das obras da Copa o MP/RS está pensando em sugerir que os carnavalescos e foliões providenciem isolamento acústico (Padrão Fifa?) ou modifiquem seus horários de funcionamento. Que bacana, né?? Passo por aquele trecho rotineiramente e não lembro de avistar prédios ou residências próximas dos locais citados.

Ainda adolescente, lá pelos anos de 1976 e 1977, era acordado nas madrugadas pela voz inconfundível e talentosa da Maria Helena Montier ou do inesquecível Meneca. Os imperadores do samba, nesta época, moravam na Carlos Barbosa e a Unidos do Umbú, na rua Cuiabá, ambos próximos ao Estadio Olímpico Monumental. Era coisa bem boa dormir embalado por sambas enredos.

Embora concorde que, alguns dirigentes(?) carnavalescos exagerem na dose quando locam seus espaços a produtores e promotores de festas particulares de grande porte, não consigo imaginar todos estes espaços transferindo-se para a FREE WAY ou para o Lami, até algum local ainda mais distante. Coisa doida. E o valioso pedaço de cidade que se transformará o local depois das obras, fica na mão de quem?? Lembram da mudança de endereço do centenário Floresta Aurora?? Sabem onde ELE anda agora??

Uma das alternativas seria iniciar mais cedo as atividades culturais. Pois, sugiro que idealizamos os eventos e nos organizemos para as funções a partir das 10h da manhã até às 22h da noite, conforme fica estabelecido a Lei do Silencio. Mudemos os hábitos culturais, ora bolas. E os decibéis?? Não é problema dos incomodados. Simples. Som na caixa em novos horários.

texto publicado integralmente no Baticumbum (blog de Carnaval da Alice Mendes). Confere lá..www.baticumbum.com.br